fbpx
marketing para farmacia de maniulação

Marketing para farmácia de manipulação – O que eu posso e não posso fazer?

As farmácias de manipulação estão sendo cada vez mais comum no dia a dia das pessoas, já que atualmente existem muitas opções para os tratamentos e, muitas vezes, sua formulação específica de componentes ajudam as pessoas a obterem seus resultados mais rápidos.

A própria ANVISA não estipula regras muito específicas para a publicidade nas mídias sociais, mas o conselho dos farmacêuticos assim o fazem, direcionando para os seus profissionais.

Regras para farmácia de manipulação nas mídias sociais

As regras para propagandas para as farmácias de manipulação são as mesmas de uma farmácia convencional, e elas se aplicam tanto para as mídias sociais como outros meios de comunicação.

O que é permitido na propaganda de Farmácia de Manipulação?

Uma das primeiras regras que devem ser mencionadas em relação às propagandas de farmácias, é que toda e qualquer propaganda de remédios e medicamentos só podem ser realizadas para os Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs). Fora isso, apenas a divulgação da unidade em si.

Vale ressaltar também que apenas os medicamentos aprovados pela ANVISA poderão ser comercializados e divulgados.

A seguir, você confere o que pode na propaganda de farmácia:

  • No anúncio, as informações devem ser bem legíveis e em cores que contrastem com o fundo;
  • Usar expressões como “seguro”, “eficaz” e “qualidade” desde que complementadas por frases que assegurem sua veracidade. O que deve ter sido extraído de estudos científicos e conter a referência;
  • Quando constar nas propriedades aprovadas pela Anvisa, o anúncio pode informar que o medicamento pode ser usado por qualquer faixa etária;
  • Quando ocorrer uma promoção, além de mostrar o desconto, também deve estar ser informado o preço integral praticado pela farmácia;
  • Quando se trata de medicamento genérico, de acordo com a Lei  nº 9.787/99, a propaganda deve incluir a frase: “Medicamento Genérico – Lei  nº 9.787/99”;
  • Divulgar informações sobre manipulados é facultado às farmácias o direito de fornecer para os prescritores material que contenha somente os nomes das substâncias ativas utilizadas na manipulação segundo DCB, na sua falta, usar o DCI ou nomenclatura botânica. Assim como fornecer informações com as indicações terapêuticas, com referência científica;
  • Na visita dos propagandistas, eles somente podem passar informações científicas e características do medicamento que estão registradas na Anvisa.

O que a farmácia de manipulação não pode fazer?

Não são poucas as exigências para realizar que a farmácia realize uma propaganda de forma correta, por isso é necessário ficar atento às principais proibições:

  • Propagandas de medicamentos de venda sob prescrição médica só devem ser dirigidas aos profissionais de saúde habilitados a prescreverem ou dispensarem. Na internet, é preciso um sistema de cadastramento eletrônico para identificação dos profissionais.
  • Não é permitido anunciar promoções como “Leve 3, pague 2” para medicamentos, pois induzem à automedicação, proporcionando riscos à saúde dos usuários.
  • A propaganda de medicamentos isentos de prescrição ou não somente pode informar o sabor do produto textualmente, por exemplo, “sabor morango”, mas não pode incluir imagens que remetam ao sabor, pois elas podem sugerir que o produto tenha a fruta em sua composição, quando, na verdade, tem apenas o sabor.
  • A propaganda não pode associar ao produto propriedades que impressionam os sentidos, tais como “saboroso” ou “gostoso”.
  • No caso de medicamentos isentos de prescrição, não se devem inserir expressões do tipo: “Para dores de cabeça, tenha sempre à mão o medicamento x” ou “Em casos de cólicas menstruais, use y”.

Regras para farmacêuticos nas mídias sociais

É necessário que assim como as farmácias possuam suas regras, os profissionais que exercem suas funções nestas unidades também tenham, inclusive os profissionais farmacêuticos que atuam em seus próprios negócios.

Por isso esteja atento sempre que estiver interagindo nas mídias sociais, de acordo com o código de ética, é necessário:

  • Manifeste seus pensamentos com respeito, ética e educação;
  • Não publique imagens ou conteúdo sem autorização;
  • Não publique informações pessoais ou sigilosas (por exemplo, prescrição contendo nome e endereço do paciente ou identificação do prescritor);
  • Não publique conteúdo que possa denegrir a imagem e a reputação de uma pessoa;
  • Não publique conteúdo que possa desvalorizar ou denegrir a profissão. Não se esqueça de que as redes sociais são visitadas por todo tipo de pessoa;
  • Respeite os direitos autorais na internet;
  • Assuma todo conteúdo que publicar, pois o anonimato é proibido no Brasil (Lei do anonimato no Brasil).

Conduta do farmacêutico

Por quê a farmácia de manipulação deve investir nas mídias sociais?

Não é novidade que a maioria dos brasileiros utilizam a internet para facilitarem suas atividades no dia a dia, inclusive em fazer compras online.

No ano de 2018, houve um acréscimo de mais de 60% no comércio de medicamentos online, via site ou aplicativos.

Venda de medicamentos on-line

Essas informações já são mais que suficientes para entender que as farmácias de manipulação precisam (e muito) estar presente nas mídias sociais, tendo contato com seu público alvo, interagindo com outras redes. Isso irá agregar valor à sua marca, e consequentemente, irá melhorar o faturamento da mesma.

Como fazer a farmácia de manipulação ser bem vista nas mídias sociais?

O método mais recomendado é que uma empresa especialista em marketing digital seja contratada para cuidar das redes sociais da farmácia, pois existem muitos pontos que podem fazer com que a visibilidade seja muito boa, ou não.

A ZMaximus possui grande experiência com diversos clientes e irá cuidar de todas as mídias sociais para a farmácia de manipulação, incluindo gestão de conteúdo, interação com público alvo, criação de publicações, parcerias produtivas e muito mais.

Lynik Brito

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco por Whatsapp
Enviar mensagem por Whatsapp